Durante o sono, não existem distâncias

saudade

“Aquele último beijo, eu vou valorizar, até nós nos encontrarmos novamente
E o tempo torna tudo mais difícil, eu queria poder me lembrar
Mas eu mantenho sua memória, você me visita enquanto durmo.”

Who Knew

8 comentários:

Daca disse...

É verdade...durante o sono não há fronteiras!
bjs
Daca

Bauru disse...

Mas acordar pra realidade é complicado, não, Daca? Beijos.

Eliete disse...

ahhh...o sono,os sonhos,é tudo permitido,a viagem da alma!!!!bjus

♪ Sil disse...

O problema é que a gente acorda hehehe!

Bjão!

Natália Rocha disse...

Ah, que lindo!

E esse sempre será o sonho mais bonito.

beeijo*

Bauru disse...

Eliete , sim, TUDO é possível. Ainda bem!

Bauru disse...

Sil , acabei de dizer isso num outro comentário que respondi. Como fazer para que o sonho se pareça o máximo com a realidade? Como fazer pra que entre sonho e realidade as diferenças sejam mínimas?

Bauru disse...

Natália , se não são os mais bonitos, pelo menos esses deixam o sono mais leve.

Postar um comentário